Livre Partida: Uma viagem pelo mundo em quatro rodas.

22 agosto 2019


Você já pensou em largar tudo e dar a volta ao mundo?
Pensou bem e descobriu que não tem estrutura financeira ou psicológica para empreender esta aventura?
Pois saiba que tudo é possível quando você esta tem foco e determinação. A prova disso é o casal Plácido Salles e Mariana Beluco que planejaram, guardaram dinheiro, enfrentaram dificuldades e superaram desafios ao longo de dois anos e meio para tirar um sonho do papel: viajar o mundo todo a bordo de uma “casa ambulante”, que os levaria aos mais remotos lugares do planeta.
Ao todo, eles conheceram 57 países nesta aventura. 


Além de gerir bem suas economias, eles utilizaram a tecnologia para continuar o seu trabalho na De Rose Method enquanto rodavam pelo mundo, ministrando as aulas pela internet. 
E, para desmistificar a tão sonhada liberdade de viver como nômades, nasce o livro “Livre Partida: causos e contos de uma viagem pelo mundo”, um livro com 453 páginas e mais de 120 histórias, ilustradas por mais de 300 fotografias.

No livro, o casal revela tudo o que aconteceu ao longo dos 827 dias em que viveram como nômades pelo mundo, desde as dificuldades de adaptação à vida solitária da estrada, até impressões sobre povos e terras distantes.

Você sonha em ter uma vida nômade? Tem apenas curiosidade ou gosta de histórias de superação e com muita cultura envolvida? 
Então aqui esta uma boa leitura para você. 

DICAS PARA SER UM NÔMADE DIGITAL 


1. ELIMINE AS SUAS DÍVIDAS
Você não poderá carregar muitas coisas na sua vida comomnômade digital, por isso, não faz sentido ficar se preocupando com dívidas que você deixou para trás. Elimine ou reduza ao máximo, para começar a sua viagem com uma bagagem leve. 

2. APRENDA A SER FREELANCE
Por que aprender? Porque não é todo mundo que consegue trabalhar remotamente. A verdade é que trabalhar como freelance remotamente requer saber lidar com as variações de renda, afinal, nem todos os meses você terá vários trabalhos para lidar... além disso, é preciso organização e disciplina, o que pode ser complicado para algumas pessoas.
O melhor é fazer um test drive antes de se jogar na vida nômade. 
Treine e aprenda antes de embarcar nessa viagem. 

3. ESCOLHA UM DESTINO
Como nômade, você pode trabalhar de qualquer lugar do mundo, mas... você precisa estar em algum lugar! E é bom você planejar o local que irá estar para verificar se: 
- O quanto você ganha como freelance é o suficiente para lhe manter neste local? 
- Existe internet banda larga de qualidade no local para que você consiga trabalhar? 
- Você se identifica com a cultura daquele local? Não basta só trabalhar... você irá comer e viver ali! O mínimo que se espera é que quando não estiver trabalhando, você absorva o máximo do local em que esta. 

4. TENHA UM PLANO B
Caso você chegue neste local e dê tudo errado, o que você faz? 
É importante ter um plano B que pode ser um fundo de reservas ou até um porto seguro em algum lugar do mundo que você saiba que terá abrigo caso algo aconteça. 
O plano B pode ser voltar ao ponto de partida? Pode. 
Mas também pode ser a casa de um amigo em algum outro local do mundo... um país mais barato... enfim... tenha um plano B. 

5. VENDA OU ALUGUE A SUA CASA
Já que você decidiu se jogar nesta aventura, não precisará da sua casa por um bom tempo, correto? Então aproveite para alugar a sua casa, gerando uma renda extra que irá lhe ajudar a se manter no novo destino, ou venda a sua casa se você estiver bem confiante de que planejou. 

Quer mais dicas? Então se liga neste post aqui. e não esqueça de se ler "Livre Partida: causos e contos de uma viagem pelo mundo” para saber exatamente o que esperar de uma aventura como essa e os desafios que podem cruzar o seu caminho. Conhecimento vindo direto da fonte nunca é demais. 

Até o próximo post. 

COMPRE O LIVRO 

8 comentários:

  1. Olá! Eu adoraria poder viajar o mundo inteiro, conhecer novas culturas e lugares mais remotos, deve uma ser uma viagem incrível, enriquecedora e cheia de aprendizado.
    Achei muito interessante a proposta do livro, vou querer conferir!
    Imagino o quanto eles tiveram que planejar, organizar e economizar também, mas para cumprir um sonho vale muito a pena, com certeza!
    Beijos! ♡

    ResponderExcluir
  2. Oiii ❤ Deve ser incrível poder passar mais que dois anos viajando ao redor do mundo. Que sonho deve ser poder conhecer países, culturas e pessoas novas.
    Estou impressionada pelo casal ter conhecido 57 países, quanta coisa eles devem ter aprendido nessa jornada.
    Parece maravilhoso acompanhar essa aventura do casal através dos contos e das imagens do livro.
    Também estou curiosa pra saber em detalhes como eles conseguiram realizar esse sonho.
    Essas dicas são bem valiosas pra quem pretende viajar ao redor do mundo, como o casal do livro.
    Beijos ❤

    ResponderExcluir
  3. Admiro muito quem tem essa coragem de seguir pelo mundo... Que aventura!!!!
    Fácil não deve ser,mas poder ter a oportunidade de conhecer tantos lugares e culturas diferentes deve ser mágico mesmo... Sabe,de poder ter uma história para contar,de poder ter lembranças verdadeiramente especiais.


    Fiquei maravilhada em ver o vídeo com esse casal, tendo a coragem de botar em prática o que almejaram.

    Eu gostaria de ser uma nômade digital. ;)

    ResponderExcluir
  4. Olá! Acho que esse sonho não é para mim, pelo menos nesse momento. É claro que eu amaria conhecer outros países, até planejo, mas acho que não tenho mais idade para isso (risos). Além disso, precisa de muita coragem para deixar algumas coisas para trás, e eu sou tão apegada que enfrentaria ai outro empecilho. Mas não dá para negar que ao menos a experiência em poder conferir por tudo que esse casal passou vai ser interessante (tá vendo, não sou tão chata assim).

    ResponderExcluir
  5. Ai que sonho! Viajar pelo mundo deve ser incrível. Quero muito poder ler esse livro e conhecer toda as aventuras pelas quais esse casal passou. Devem ter tido que ultrapassar muitas barreiras e enfrentar muitos problemas. Não deve ser fácil mas deve ser muito gostoso.

    ResponderExcluir
  6. Nossa deve ser o máximo poder conhecer tantos países assim, que maravilha, deve ter sido uma aventura e tanto para esse casal, que bom que no fim deu tudo certo, pois devem ter passado por poucas e boas nesse percurso, mas no final é bem gratificante, fiquei imaginando como seria fazer algo desse tipo. Deve ter sido muito interessante conhecer novas culturas e outras pessoas, sem falar nos lugares devem ter encontrado lugares incríveis, livro muito interessante ainda mais com fotos.

    ResponderExcluir
  7. É muitooo o meu sonho sair para conhecer o mundo afora mas não tenho condições para isso. E olha só 57 país!! Queria demais. Acho tão interessante as diferenciadas culturas ao redor do mundo. Adorei também as dicas mas acho que estou muito longe de chegar a ser um nômade digital. Legal que o casal, por meio do livro compartilhe suas experiências e com fotos.

    ResponderExcluir
  8. É preciso muita coragem para embarcar em uma aventura assim, mas confesso... é fascinante sonhar com essa perspectiva. Imagino que o livro deve ser bem legal. Acompanhar cada passo dessa jornada, que tem seus encantos, mas obviamente, tem também dificuldades.

    ResponderExcluir