Amante Revelado

13 agosto 2019



“No princípio, as novidades serviram para mascarar a realidade, mas, nos últimos tempos, vinha notando que, apesar das diferenças, estava exatamente onde sempre estivera: nem um pouco mais vivo do que quando apodrecia em sua antiga vida. Ainda olhava as coisas acontecendo de fora, sem participar.”



Amores, mesmo vindo de um livro muito forte emocionalmente - que foi o Amante Desperto, este não decepciona. ( Mesmo não sendo um dos melhores da série

Continuo enfatizando, a mente da Ward é criatividade "a mil por hora". Pois, ela, formulou um mundo místico surpreendente. Então, ...

Venham, para a resenha do filho da profecia!


“- Então, essa é minha história, Marissa. Sempre tive um pedaço faltando, por toda a minha vida. Sempre fui diferente das outras pessoas, não apenas em minha família, mas quando eu estava trabalhando aqui na polícia também. Eu nunca me encaixei… até conhecer a Irmandade. Conheci as pessoas de sua espécie e, droga, agora eu sei por quê. (…)”
Chegou o  momento do policial, o único humano da irmandade, Butch O´Neal. "O lutador por natureza". Este, iniciou na saga desde o primeiro volume, quando estava tendo alguns impasses com o Rei. 

E desde então, venho curtido muito a interação dele com os irmãos. Logo no livro 01, já se percebia a ligação de "Yin Yang" entre o protagonista e o irmão Vishous.

Sim, ele mora na mansão da Irmandade, com os membros e é considerado um deles (Por "debaixo dos panos"). Contudo, não é totalmente aproveitado, pois a irmandade tem alguns receios em referência a sua vulnerabilidade humana.
"A escuridão nunca vai me levar. Porque eu tenho você. Luz da minha vida"
Como já percebemos, as estórias dos casais (quando ambos, já foram citados) começam em algum livro anterior. Como foi o caso de Butch e Marissa (A nossa protagonista).

Esta, pertence a Glymera, uma fêmea de valor e membro de uma família muito respeitada. Todavia, Marissa não se sente parte da sua sociedade e também não é aprovada pela mesma. Devido ao seu passado com o Rei ( que a trocou pela Beth) e ser Inthocada.

Porém, a nossa doce e forte mocinha, é apaixonada por Butch e por um mal entendido - planejado por seu irmão - eles se distanciaram. 
" - Mas sempre será Butch para nós - Rhage interrompeu. - Espertão. Sabichão. Um pé no saco. Sabe como é, o que vier na hora. Qualquer coisa que tire sarro de você, está valendo."
Mas em Amante Revelado, que já inicia bombasticamente, o Ômega aparece para Butch - crente que ele será somente um instrumento - e é aí que tudo muda.

Com o B. entre a vida e a morte - graças ao pós sequestro, feito pela Sociedade Redutora - Vishous o encontra e aplica ações que serão importantíssimas para a vida de O`Neal e para os de mais livros da Irmandade.

V. não só salva a vida do policial, como une o casal principal.
Perdidos, o V. é - simplesmente - sensacional. 

Em meio a esta recuperação e a reconciliação do casal, descobrimos a origem do policial. A trajetória dramáticas e complexa ( Isto, mexe - um pouco - com o leitor). E em contrapartida, percebemos os motivos que o fizeram ser essa "fonte de delicadeza" ... #sqn.

Quase falei "Boa 06", quando lia as partes da família O`Neal. 
Pois veio preencher, perfeitamente, as lacunas da personalidade de Butch.
"(...) Eu vou mantê-lo seguro."
Amores, este volume não trata só disso que eu compartilhei com vocês. Mexe com amizade, a cima de qualquer coisa, de respeito, a conexão dos irmãos é inquestionável, a academia ficando cada vez mais forte e outros pontos como:
  • A profecia do Destroyer, que possui uma conexão entre Butch, Vishous (Um dos melhores, para mim.), o Ômega e a Sociedade Redutora. ( E em como, essa profecia é desenvolvida.);
  • As brincadeiras frequentes, entre o núcleo da irmandade;
  • As reviravoltas te dão uma percepção de que algo, ainda maior, está para acontecer (Mas que neste, é só a ponta do Iceberg.);
  • A Sociedade Redutora, tem se fortalecido (Mesmo que agora seja mais engolível, ainda está chata. Perdão, por repetir isto... até porque, a qualidade na escrita da Ward é ótima. Então, acredito que ela poderia ter feito este núcleo mais empolgante, desde o primeiro volume. Não há necessidade, dos "vilões" serem massantes. Desculpa, mas esta é a minha humilde opinião.);
  • Rehvenge (Integra a lista dos meus personagens preferidos), vem ganhando espaço e ficando cada vez mais peculiar;
  • A Marissa desperta apreciação e tédio, na minha pessoa. Porém, reforço que há química entre ele e o B.;
  • A Virgem Escriba, está fenomenal. Ela aparece em momento específicos, fazendo toda a diferença. 
Reforço a ideia, de ser um livro necessário. Pois conclui alguns pontos e abrange a caminhada destes guerreiros, nos mostrando que até agora foi uma introdução nesse mundo. Contudo, não o leria novamente. #sorry

Loucamente, ansiosa pelo próximo livro... Vem, Vishous!!! :)

Então, até a próxima leitura!!
Escritora: J. R. WARD
Editora: Universo dos Livros
Série: Irmandade da Adaga Negra
Livro: 04
Páginas:495
Título Original: Lover Revealed
Ano de Lançamento, no Brasil: 2010
Resumão da série:

A saga nos remete a uma guerra, que ocorre no mundo ( No estilo: "Constantine").
Todavia, essa batalha é entre os seres místicos.

  • De um lado, a Irmandade da Adaga Negra com a mãe "Virgem Escriba"( formada pelos vampiros, que possuem estrutura de guerreiro - no início somente com os genitores escolhidos.);
  • Do outro lado, Os Redutores com o pai "Ômega" ( Seres que, anteriormente, eram humanos com má caráter. E, agora, lutam para exterminar os vampiros).
Não seria como DEUS E O DIABO, pois existe um Deus a cima dessas entidades. Afinal, a Virgem Escriba e o Ômega são irmãos.

Cada volume, tem como foco um vampiro que é envolvido com a Irmandade. Com cenas de lutas, amizade, lealdade e "calientes"( digna de uma estória de vampiros).

A Ordem da série( Não coloquei os pares, para o spoiler não ser demais Rsrsrs):

  • Livro 01 - Amante Sombrio (Wrath);
  • Livro 02 - Amante Eterno (Rhage);
  • Livro 03 - Amante DespertoZsadist);
  • Livro 04 - Amante Revelado (Butch);
  • Livro 05 - Amante Liberto (Vishous);
  • Livro 06 - Amante Consagrado (Phury);
  • Livro 07 - Amante Vingado (Rehvenge);
  • Livro 08 - Amante Meu (John Matthew);
  • Livro 09 - Amante Libertada (Payne);
  • Livro 10 - Amante Renascido (Tohrment);
  • Livro 11 - Amante Finalmente (Quinn);
  • Livro 12 - O Rei (Sobre Wrath);
  • Livro 13 - Os Sombras (Trez);
  • Livro 14 - A Besta (Sobre Rhage);
  • Livro 15 - A Escolha (Xcor);
  • Livro 16 - A Ladra (Assail);
  • Livro 17 - Prisioneiro da Noite (Duran).
Obs.: Depois do 12º livro, estarei incluindo a ordem do Spin Off da Saga  - " Legado da Irmandade da Adaga Negra".

Sobre o J. R. Ward: 

A escritora "Jessica Rowley Pell Bird Blakemore", norte americana, nasceu em , começou a escrever ainda criança , com narrativas curtas. Porém, antes de iniciar a faculdade, escreveu o seu primeiro romance. 

Depois de algum tempo, conquistou duas formações:
  • História e História da Arte - com foco no período Medieval, em Smith College;
  • E em Direito, no Albany Law School.
Todavia, a carreira de escritora, se desenvolveu após o incentivo de seu marido "John Neville Blakemore III". E em 2002, consegue sua primeira publicação com o livro "Leaping Hearts".

Jéssica escreve com dois pseudônimos:
  • Como "Jessica Bird " - Romances Contemporâneos;
  • Como "JR Ward" - Romance Paranormal.
Em 2007 o "The Romance Writers of America" concedeu-lhe o "Prêmio Rita - de Melhor Romance Contemporâneo", pelo romance "From the First" e em 2008 "Prêmio RITA - de Melhor Romance Paranormal" para Amante Revelado. Ela, também, foi a número 2 na lista de best-sellers do New York Times de 2014.

Ficou curioso? Abaixo, está o link para adquirir o exemplar.

COMPRE O LIVRO 

8 comentários:

  1. Olá! Confesso que eu sou uma das que torceu e muito por um romance de Butch com outra pessoa (risos), na verdade desde o primeiro livro, fiquei bem curiosa para saber como se desenrolaria a história desse humano tão singular, a autora está até perdoada por ter frustrado os meus planos, afinal Marissa também merecia seu final feliz.

    ResponderExcluir
  2. Pelo que vejo, esse livro foi escrito para servir como "ponte" para as sequências que virão não é?
    E acho que não foi tão empolgante assim como o anterior... Sim, você nos contou que não o leria novamente,mas só de ler a resenha, dá para sentir que não foi tão interessante quanto os outros.

    Bem, estou ansiosa aqui em acompanhar suas aventuras nas páginas dessa aventura. ;)

    ResponderExcluir
  3. Gosto muito da amizade do Butch com o Vishius eles são tudo de bom, torci muito por esse casal e sofri muito pelo Butch rs. A amizade e o respeito que os personagens tem uns pelos outros é impressionante, gostei muito disso. Faz muitos anos que li esses primeiros volumes e a cada resenha bate uma saudade.

    ResponderExcluir
  4. Oiii ❤ Mais um livro dessa série que preciso conhecer! De início, já gostei que Butch é o único humano da Irmandade, já que antes de saber sobre o que a série se tratava, eu achava que os personagens eram todos vampiros.
    Butch é outro personagem que me deixa curiosa quanto ao seu passado. Isso de Ward construir muito bem seus personagens, dar importância ao passado deles na trama, dá muita profundidade à história, o que gosto muito.
    Quero saber qual é esse mal entendido que distância Butch de Marissa. Bom saber que eles voltarão a se aproximar. Quero muito ver como será o romance entre eles.
    Não vejo a hora da resenha sobre o próximo livro de IAN.
    Beijos ❤

    ResponderExcluir
  5. Olá! ♡ De fato, esse não parece ser o livro mais empolgante da série, mas ainda assim Ward parece ter apresentado uma trama muito bem construída e que como os outros livros cativa o leitor.
    Eu achei bem interessante que o Butch é um humano e não um vampiro, acho que é um diferencial para esse livro.
    Uma das personagens que mais vi falarem sobre essa série é a Marissa, e mesmo que ela não seja a melhor personagem, quero muito conhecê-la.
    Ainda não conheço o V, mas já o considero muito por ter aproximado Butch e Marissa! ♡
    Enfim, estou animada para conhecer esse casal também, suas personalidades e particularidades.
    Obrigada pela indicação! Beijos!

    ResponderExcluir
  6. A cada resenha sobre os livros da série, percebemos como a autora realmente soube criar um universo que possibilita tantas nuances e possibilidades. É tão bom quando as leituras vão fluindo assim.

    ResponderExcluir
  7. Muita coisa, a série e repleta de detalhes da para ter ideia da criatividade imensa do autor que criou todo um mundinho diferente de tudo o que eu ja conheci. Mais uma vez me vejo desejando iniciar a série para acompanhar as intrigas da Irmandade. E to muito afim de saber como um único humano foi se envolver nisso tudo.

    ResponderExcluir
  8. Mesmo que esse não tenha sido um dos melhores da série por enquanto, eu estou amando. Esses vampiros são muito diferentes de tudo o que já vi por aí. Quero muito poder conhecer cada um desses personagens. Essa série é imensa mas com toda essa genialidade da Ward tenho certeza de que vou gostar.

    ResponderExcluir